domingo, março 27, 2011

São Domingos vence Socorrense e pega River na final


Em um jogo emocionante, o São Domingos derrotou o Socorrense por 2 a 1, na tarde deste domingo, no Estádio Arnaldo Pereira, pelo cruzamento olímpico do primeiro turno do Campeonato Sergipano.
André Saúde abriu o placar para os donos da casa, aos 11 minutos do primeiro tempo. Junior de cabeça empatou para o Socorrense, aos 42 minutos do segundo tempo. Mas o São Domingos conseguiu o gol da vitória dois minutos depois, com o zagueiro Romão.
Com o resultado, o São Domingos se classificou e vai enfrentar o River Plate pela final do primeiro turno. O primeiro jogo será em Carmópolis e o segundo acontecerá no Arnaldo Pereira, uma vez que o São Domingos por ter a melhor campanha decide a vaga em casa.

Confiança contrata um lateral e um zagueiro


O Confiança apresentou neste domingo, mais dois reforços para a segunda fase do Campeonato Sergipano. São eles: lateral Diego, 23 anos, com passagem no Ceilândia e o zagueiro Anderson Cuiabá, 24 anos também do Ceilândia. Os dois jogadores esperam atender a expectativa da diretoria e da torcida.
Os dois atletas foram indicados pelo técnico Ricardo Oliveira, que garantiu serem bons profissionais.

sábado, março 26, 2011

Vereadora Carmem Moura é favor da Política Municipal de Atendimento às Mulheres em Situação de Violência


A vereadora da Barra dos Coqueiros, Carmem Moura, DEM, deu entrada, nesta terça-feira, dia 22 de março, no projeto de lei para criar uma Política Municipal de Atendimento às Mulheres em Situação de Violência. 
De acordo com Carmem Moura, diversas pesquisas realizadas no mundo inteiro confirmam que dependendo de cada sociedade de 10 a 40% das mulheres já relataram terem sido espancadas ou maltratadas fisicamente de alguma forma pelos seus parceiros.
Para Carmem Moura, o mais grave da questão é que muitas mulheres agredidas deixam de procurar a rede pública de saúde, para evitar que a agressão seja comunicada ao Ministério Público ou a policia, o que vem contribuindo com a impunidade.
“O nosso projeto tem como objetivo é estimular e facilitar a denúncia nestes tipos de agressão”, disse a vereadora, acrescentando que é preciso haver uma conscientização de todos, especialmente dos que fazem o atendimento às mulheres em situação de violência, em órgãos públicos ou em instituições privadas sobre a importância da denúncia como forma de inibição da própria violência.
Carmem Moura afirmou que algumas medidas são importantes para inibir a violência como: realização de cursos de treinamento especializado no atendimento às mulheres em situação de violência, campanha no âmbito conjugal, afetivo e doméstico, divulgação permanente dos endereços e dos telefones de órgãos e entidades de atendimento á mulher e disponibilização de uma central para prestar informações.

Câmara Municipal da Barra dos Coqueiros presta homenagem às mulheres





A Câmara Municipal da Barra dos Coqueiros comemorou, em sessão solene na última terça-feira, 22 de março, o Dia Internacional da Mulher
Os vereadores prestaram homenagens às senhoras Antonieta Ribeiro Balbino, Dacy Antonia Farias Santos, Lânia Ribeiro Mendonça, Maria Adilza de Oliveira Lopes, Maria Aparecida de Moura, Maria Celina Ferreira da Silva, Maria Clotildes Bernardes Santos, Maria de Lourdes Silva dos Santos e Zuleide de Jesus Moura pelos relevantes serviços prestados ao município.
Todos os vereadores fizeram questão de ocupar a tribuna da câmara, ressaltando que a mulher cada vez mais vem buscando o seu espaço na sociedade em geral e a sua capacidade é igual ou superior ao do homem.
História 

No dia 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos situada na cidade norte-americana de Nova York, fizeram uma grande greve. Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho. 

A manifestação foi reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num ato totalmente desumano. Porém, somente no ano de 1910, durante uma conferência na Dinamarca, ficou decidido que o 8 de março passaria a ser o "Dia Internacional da Mulher", em homenagem às mulheres que morreram na fábrica em 1857. Mas apenas em 1975, por intermédio de um decreto, a data foi oficializada pela Organização das Nações Unidas. 


Professora Raimunda Ribeiro Silveira é homenageada pela Prefeitura de Itaporanga


 

A Câmara municipal de Itaporanga D´Ajuda aprovou o Projeto de Lei do executivo de 24 de março de 2011, alterando o nome da Escola Municipal Francisco José Alves do povoado Rio Fundo da Cachoeira para Escola Municipal Professora Raimunda Ribeiro da Silveira, pelos relevantes serviços prestados a sociedade itaporanguense.
A solenidade aconteceu nesta sexta-feira, dia 25 de março, na Escola Municipal Professora Raimunda Ribeiro e contou com as presenças do prefeito César Mandarino, da primeira dama e Secretária de Ação Social, Marília Mandarino, da secretária de Educação, Arleide Brito, do secretário de Agricultura, Professor Humberto, do diretor da Diretoria Regional  de Educação (DRE1), Dionísio de Almeida Neto, vereadores César de Pentha, Ronaldo Oliveira e Francinaldo,  esposo da homenageada, Pompílio Oliveira Silveira de 93 anos, filhos, parentes e amigos.
Além da mudança de nome da escola, a Prefeitura de Itaporanga, através da Secretaria de Obras, realizou obras de infraestrutura como colocação de grades para proteger os alunos, muro externo e rampa para deficientes físicos, além da recuperação elétrica e hidráulica e um abrigo de ônibus.
O prefeito César Mandarino fez questão de homenagear a professora Raimunda Ribeiro Silveira pelos relevantes serviços prestados a comunidade e ao mesmo tempo entregar mais uma obra significativa para população do Rio Fundo da Cachoeira. “ O prefeito sozinho não é ninguém, mas com a ajuda das lideranças, vereadores em sintonia  com o povo, os obstáculos são vencidos”, disse o prefeito, ressaltando que aproveitou oportunidade para entregar também a reforma da Escola Municipal Tenente José Carvalho da Costa do povoado Rio Fundo do Ponto
Biografia da homenageada
Em 28 de junho de 1928, nasceu no povoado rio Fundo Cachoeira, município de Itaporanga D´Ajuda, Raimunda Ribeiro da Silveira, filha de Antonio José da Silveira, mais conhecido na comunidade como Inácio, e dona Eunice Ribeiro Silveira, também conhecida como “Passarinho”, seus avós paternos: Antonio Inácio e Virginia da Silveira e avós maternos: José Pereira Ribeiro e Maria da Costa Barbosa.
Suas irmãs:Renildes Ribeiro da Silveira, Risoleta Ribeiro da Silveira e Risalva Ribeiro da Silveira e Rivanda Ribeiro da Silveira.
Passou a maior parte de sua infância na companhia de seus pais e de suas irmãs na mesma comunidade em que nasceu, onde também iniciou os seus estudos até a 3 série do antigo primário.  Aos 11 anos, estudo o 4 ano primário no Colégio Instituto Brasileiro e o curso ginasial no Colégio Atheneu Sergipense.
Em 1949, casa-se com o primo Pompílio Oliveira Silveira, juntos constituíram uma linda família composta por 12 filhos, sendo seis homens e seis mulheres.
Em 1950, surge a oportunidade do primeiro emprego, ser professora na Fazenda Paréu, localizada no município de Itaporanga D´Ajuda, onde lecionou durante dois anos. Surge uma vaga em uma escola no povoado Carlos Torres, para onde é transferida.
Após alguns anos é transferida para o povoado Rio Fundo para ensinar em sua própria residência. Em 1978, foi transferida para o Grupo escolar  Francisco José Alves, onde lá permaneceu até se aposentar.
Sem nenhuma formação na área de saúde pública, exercia o papel de enfermeira, em seu coração ardia o desejo de ajudar o próximo e, desta forma ela abria as portas de sua casa, onde as autoridades de saúde deixavam os medicamentos básicos. Em uma época onde malária, doença infecciosa grave, causada por parasitas, transmitida pela picada do mosquito se alastrava pelas comunidades rurais do povoado, era ela a pessoa encarregada de fazer a coleta das amostras de sangue para posterior exame.
 Hoje ela sente gratificada por tudo que fez, por fazer parte da história do seu povo.


quarta-feira, março 16, 2011

Guarilha é absolvido e enfrenta o São Domingos


O lateral-esquerdo do Socorrense, Guarilha, foi julgado na noite de ontem, no Tribunal de Justiça da Federação Sergipana de Futebol. O jogador estava incluso no artigo 250 do CBDF, podendo pegar de 1 a 3 jogos, mas conseguiu ser absolvido e vai enfrentar o São Domingos, domingo, no Estádio Wellington, em Nossa Senhora do Socorro.
O técnico do Socorrense, Toninho Dumas, ficou bastante satisfeito em saber que poderá contar com Guarilha. Para ele, o lateral é um ótimo jogador e vai ajudar o time buscar a classificação diante do São Domingos.
Toninho Dumas deve mandar a campo: Rudson, Carlinhos, Tiago, Vitor e Guarilha; Vando, Junior, Kiko e Alex Junior; Joabio e Senninha.